Pokémon Black 2 & White 2RETRAIR FICHA

Pokémon Black 2 & White 2

Continuação da famosa série dos monstrinhos colecionáveis chega em sua segunda versão para Nintendo DS

  1. Desenvolvedora: Game Freaks
  2. Lançamento: 07/10/2012
  3. Distribuidora: Nintendo
  4. Gênero: RPG
10 Imperdível
08/10/2012

Análise: Pokémon Black 2 & White 2

Felipe Carettoni
Do UOL, em São Paulo

Considerações

Mais uma vez a série Pokémon conseguiu atingir a sua perfeição. Mesmo se tratando de uma continuação, "Black & White 2" apresenta mudanças significativas que mantêm os jogadores ainda mais entretidos. Os novos modos de campeonatos, o incremento de medalhas e as melhorias na Pokédex aumentam a longevidade do título, garantindo centenas de horas extras à campanha solo.

O fato de ainda estar na geração anterior de portáteis é certamente um ponto negativo, principalmente a novos jogadores, mas acaba sendo desconsiderado ao lado de tantos outros fatores positivos. A presença da mecânica consagrada da franquia, suas várias novidades e o excelente modo multiplayer compensam qualquer inferioridade gráfica.

Introdução

Dois anos após os acontecimentos das primeiras versões, a história de "Pokémon Black & White 2" dá continuidade aos planos malignos da equipe Plasma na região de Unova. Como de costume, o jogador inicia a aventura com um garoto que deseja se tornar um grande treinador Pokémon, mas dessa vez é auxiliado por personagens bastante conhecidos de "B&W".

A fórmula tradicional da franquia se mantém intacta, apresentando novamente um rival, vilões, oito ginásios, Elite dos Quatro e mais de 600 monstrinhos para capturar, procriar, trocar e treinar.

Pontos Positivos

  • Velho mundo novo
  • Apesar de repetir o local dos títulos anteriores, "Black & White 2" traz tantas mudanças à região de Unova que muitas vezes parece se tratar de um outro ambiente. Grandes cidades, como Castelia e Nimbasa, não sofreram tantas alterações, mas o restante das rotas e outros pequenos povoados foram bastante modificados.

    Em vez de iniciar a aventura na pequena Nuvema, a GameFreak optou por criar um novo conjunto de cidades para dar um ar de novidade. Dessa maneira, o jogo tem início na inédita Aspertia City, que até mesmo possui seu próprio Pokémon Center.

    Outros locais também foram criados para dar mais opções de caminhos e habitats específicos para alguns tipos de monstrinhos, como é o caso dos esgotos de Castelia e a passagem subaquática que interliga as cidades de Undella e Humilau.

  • Mistura de gerações
  • Diferente de seus antecessores, que só liberavam Pokémons de versões passadas após o término da aventura, "B&W2" disponibiliza clássicos monstrinhos logo no início do jogo. Que tal trombar com um Psyduck ou um Magnemite antes mesmo de conquistar a segunda insígnia? Essa ótima sensação de nostalgia se mistura ao ar de novidade e diverte muito mais quem é antigo fã da franquia. Assim, a Pokédex regional soma exatas 300 criaturas diferentes, quase o dobro de "B&W".

  • Conquistas!
  • Isso mesmo, agora até Pokémon ganhou achievements! Desde o início o jogador é premiado com medalhas que avaliam diversos tipos de ações, desde o simples ato de caminhar ou salvar o progresso até desafios mais complexos, como capturar todos os monstrinhos de um tipo determinado ou derrotar a Elite dos Quatro com apenas um Pokémon.

    Há um total de 200 medalhas e coletar todas pode levar centenas de horas. Dar 5000 passos é muito fácil, mas capturar um monstrinho shiny, de coloração diferente, exige alto grau de sorte. Àqueles que "platinarem" o jogo será dada uma reputação máxima que poderá ser visualizada por qualquer adversário online ou local.

  • Temos que pegar
  • Completar a Pokédex, agenda virtual que cataloga os Pokémons, nunca foi tão recompensador e divertido. Em primeiro lugar, foi criado um sistema chamado Habitat List, no qual todos os monstrinhos visualizados e/ou capturados são organizados por região. Quando uma área for completada, ela recebe um carimbo especial. Assim, fica fácil saber se uma determinada rota ou cidade foi devidamente concluída, informação esta que em versões anteriores só poderia ser obtida por meio de guias ou quando a Pokédex fosse inteiramente completada.

    E para dar um fôlego extra aos jogadores, B&W2 presenteia itens incríveis a quem capturar todos os monstrinhos. Aquele que concluir a Pokédex regional receberá um item que aumenta a velocidade de reprodução dos Pokémons, enquanto aquele que tiver ainda mais paciência para completar a Pokédex nacional ganhará um objeto que aumenta a chance de encontrar as criaturas shiny.

  • Novos modos
  • Enquanto Black & White 2 mantém os ótimos modos multiplayer online e wireless das versões anteriores, que podem ser acessados por meio dos Pokémon Center ou do acessório C-Gear, novas modalidades foram incrementadas à campanha solo para aumentar a longevidade do jogo.

    Uma delas é o World Tournament, inédito campeonato que permite batalhar em sistema mata-mata contra líderes de ginásio ou outras figuras clássicas da franquia. Ao derrotar a Elite dos Quatro pela primeira vez, por exemplo, são desbloqueados treinadores das primeiras gerações dos monstrinhos de bolso, como os famosos Misty, Brock, Giovanni, Falkner, Clair e muitos outros.

    E para quem gosta de modos que não envolvam apenas batalhas, mas outros tipos de estratégias, B&W2 inaugura o estúdio de filmes PokéStar. Utilizando monstrinhos alugados e mais tarde os seus poróprios, os jogadores deverão gravar cenas de lutas cinematográficas para arrecadar dinheiro e fama. Para que um filme se torne um sucesso é preciso seguir exatamente como manda o script, o que muitas vezes pode se tornar bastante desafiador. Essa modalidade transforma os Pokémons em estrelas, alterando inclusive o seu brilho quando colocados em batalhas comuns.

Pontos Negativos

  • Não é um jogo de 3DS
  • As cenas iniciais de "Pokémon Black & White 2" são um verdadeiro banho de água fria aos jogadores que já estão acostumados ao Nintendo 3DS. Mesmo apresentando os gráficos mais modernos da franquia no DS, "B&W2" se torna muito antiquado (e até feio) em relação a títulos como "Super Mario 3D Land" ou "Mario Kart 7".

    A diferença é tão grotesca que dá a sensação de que a GameFreak teve medo em arriscar mudanças para a quinta geração dos monstrinhos de bolso. Aos fãs esse detalhe pode até passar despercebido, mas novos jogadores provavelmente irão rejeitar gráficos tão datados.

  • http://jogos.uol.com.br/ds/analises/pokemon-black--white-2.htm
  • Leia a análise de 'Pokémon Black 2 & White 2'
  • 18/12/2014
  • DS - UOL Jogos
  • UOL Jogos
  • @UOLJogos
  • 1

Últimos Comentários

TOP 5 DOS USUÁRIOS DO FACEBOOK