Topo

Hawken

Pedro Henrique Lutti Lippe

Do UOL, em São Paulo

2012-10-04T18:16:32

04/10/2012 18h16

Um vídeo. Foi o que bastou para que o time da Adhesive Games chamasse a atenção de jogadores, produtoras e investidores para seu projeto de game multiplayer online "Hawken".

Sua proposta é simples de descrever, mas difícil de tirar do papel: reavivar o gênero de jogos de combate entre mechs, aliando gráficos impressionantes, partidas frenéticas ao estilo "Call of Duty" e um esquema de acesso gratuito como o de "League of Legends".

COM UM TRAILER, "HAWKEN" CONQUISTOU ADMIRADORES

  •  

Experiência imersiva

Historicamente, jogos de mechs costumam retratar as enormes armas de guerra como pesados gigantes - extremamente poderosos, porém lentos e desajeitados. "Hawken" quer mudar esse cenário. Os veículos controlados pelos jogadores são mais ágeis e versáteis, e, equipados com jetpacks, são também capazes de explorar os campos de batalha verticalmente.

REALIDADE VIRTUAL

  • Divulgação

    "Hawken" terá suporte ao óculos de realidade virtual Rift. Com ele, você poderá mover a cabeça para observar o cenário de dentro da cabine do mech durante o jogo.

Mesmo quebrando paradigmas do gênero, "Hawken" ainda quer dar ao jogador a impressão de que ele está no poder de uma verdadeira máquina da morte. É o que explicou o diretor criativo Khang Le à revista britânica Edge. Para ele, a câmera posicionada como a visão do cockpit do mech coloca o fã no papel do piloto.

E ao observar as partidas, você percebe que ser o piloto de um mech é diferente de ser o próprio robô assassino. A cabine, localizada na cabeça da máquina, chacoalha e vibra de forma separada do resto do corpo durante os combates frenéticos. Batalhas em outros games de tiro parecem tranquilas como passeios no parque perto do frenesi destrutivo de "Hawken".

Em teoria, a tendência dos combates de "Hawken", protagonizados pelas igualmente ágeis e poderosas máquinas descritas acima, seria o caos. De acordo com seus desenvolvedores, porém, estratégia é o foco das batalhas. Isso porque "Hawken" não é "Call of Duty" - um encontro com o inimigo não é uma situação que obrigatoriamente resulta em corpos no chão. Resistentes, os mechs são capazes de aguentar vários disparos, de forma que escapar de um enfrentamento torna-se uma opção viável - o que faz do trabalho em equipe e táticas de matilha altamente medidas altamente recomendáveis.

TRUQUES PARA OS OLHOS

  • Divulgação

    Segundo Khan Le, diretor criativo de "Hawken", seu jogo não é bonito por causa da contagem de polígonos. "Usamos muitos truques para enganar os olhos. Visamos a cena completa, como se estivessemos fazendo um filme. É a impressão geral que importa; a atmosfera e a iluminação. Estamos nos focando nisso, porque não temos pessoal suficiente para fazer algo como um hidrante perfeito", disse em entrevista à revista Edge.

Desenvolvido com o apoio financeiro do mesmo fundo de investimentos que há alguns anos apostou na Riot Games com "League of Legends", "Hawken" seguirá o modelo de jogabilidade gratuita que tornou este outro game de PC um sucesso. Caso queiram, fãs poderão personalizar seus mechs com diversos itens cosméticos comprados com dinheiro real.

No site oficial do game, porém, seu time de desenvolvimento garante que usuários pagantes não terão vantagens nos embates. "Na maior parte dos casos, melhorias de defesas e armas que puderem ser compradas também poderão ser obtidas normalmente pelo jogo", diz um representante da Adhesive Games em um esclarecimento.

Sem precisar colocar a mão no bolso, fãs também poderão personalizar seus mechs de acordo com seu estilo preferido de jogo. Eles se encaixarão em três categorias (leve, médio e pesado), e poderão utilizar os mais diversos tipos de armas, desde foguetes e metralhadoras até poderosos rifles de longo alcance.

Tiroteios pós-apocalípticos

O cenário de "Hawken" é um distante planeta colonizado esvaído de recursos naturais, onde humanos divididos em facções lutam pela própria sobrevivência. Em seu lançamento, o jogo terá pelo menos sete mapas distintos, incluindo as ruínas de uma cidade devastada e um deserto.

Apesar da preferência dos produtores pela imersão, a Adhesive sabe que nem todos os jogadores se adaptarão à cabine chacoalhante dos mechs, por isso, "Hawken" poderá ter opções para jogar com uma câmera mais estável ou ainda mais, com a visão de fora do robô gigante.

"Hawken" é exclusivo para PC.

Hawken
Hawken
#dev_albumEmbed015('tagalbum','50598+AND+16715')

Mais Jogos