07/10/2011 - 12h40

Estamos à frente de "FIFA 12", diz produtor de "Pro Evolution Soccer 2012"

THÉO AZEVEDO
Enviado especial à Cidade do México*

“Pro Evolution Soccer 2012” chegou às lojas algumas semanas atrás e, tal qual acontece no futebol real, dividiu opiniões: alguns acharam o jogo fantástico e inovador, enquanto outros, frustrados com a falta de novidades, ficaram com “FIFA 12”.

Parece contraditório, não? Mas é com este equilíbrio - entre manter a essência da franquia e implementar inovações – que Shingo "Seabass" Takatsuka, produtor da série de futebol da Konami, que precisa lidar constantemente.

Em entrevista ao UOL Jogos, Seabass cravou com confiança que, em sua opinião “PES 2012” está melhor que “FIFA 12”, mas assumiu que ainda há muito o que melhorar, como no licenciamento de times e clubes. Porém, para a próxima versão o nipônico prometeu (veja bem, prometeu) um game totalmente diferente do atual. Leia:


Para mim, “Pro Evolution Soccer” está um pouco à frente de “FIFA”.

UOL Jogos: Como você enxerga atualmente o duelo entre “Pro Evolution Soccer” e “FIFA”
Shingo "Seabass" Takatsuka:
Para mim, “Pro Evolution Soccer” está um pouco à frente de “FIFA”. Por isso é importante continuar implementando coisas novas e diferentes. Para ser honesto, havíamos deixado isso de lado e estamos muito arrependidos.

UOL Jogos: Para os brasileiros, faz bastante falta ver mais times nacionais licenciados e torneios. O que podemos esperar para o futuro?
Seabass:
É preciso reconhecer que a EA Sports fez um trabalho muito melhor que o nosso em relação às licenças. Sabemos que precisamos conseguir mais licenças: já temos a Copa Libertadores, mas não podemos nos dar por satisfeitos e vamos continuar buscando mais.

UOL Jogos: E quanto aos portáteis? Podemos esperar versões de “Pro Evolution Soccer” desenvolvidas especificamente para o 3DS ou mesmo o Vita?
Seabass:
Tenho que reconhecer que nos últimos anos focamos a maior parte dos nossos esforços na versão para consoles, mas no futuro gostaríamos de criar algo específico para o Vita e o 3DS, aproveitando as peculiaridades de cada um. Portáteis nunca foram o nosso forte, mas queremos mudar isso.

Pro Evolution Soccer 2012
Pro Evolution Soccer 2012

UOL Jogos: Você jogou “FIFA 12? O que achou?
Seabass:
Joguei o “FIFA 12” na GamesCom [evento que aconteceu em agosto, na Alemanha] e me pareceu que o jogo explora bastante certos aspectos do futebol moderno como o posicionamento. Foi algo que tentamos fazer, mas chegamos à conclusão que implementar noções de posicionamento à Inteligência Artificial causa muitos problemas para o jogador. Foi por isso que decidimos não implementar algo do gênero e seguimos um caminho diferente.


Queríamos deixar claro o quanto estamos interessados na América da Latina, por isso a opção pelo Neymar na capa.

UOL Jogos: Por que a escolha de Neymar para a capa do “Pro Evolution Soccer 2012”?
Seabass:
Bem, na verdade meu chefe gosta muito do Neymar, então foi fácil colocá-lo na capa do jogo [risos]. Mas, acima de tudo, queríamos deixar claro o quanto estamos interessados na América da Latina, por isso a opção pelo Neymar na capa.

UOL Jogos: “Pro Evolution Soccer 2012”, na sua opinião, tem potencial para atrair de volta antigos fãs da série que migraram para “FIFA?
Seabass:
Sim, acredito que “Pro Evolution Soccer 2012” tem força pra isso, pelas melhorias na inteligência artificial, no equilíbrio das equipes e jogadores e no recurso de controlar um segundo jogador. Creio que conseguimos colocar uma distância claro entre o nosso jogo e o da EA Sports.

UOL Jogos: Você já está pensando no “Pro Evolution Soccer 2013”? Pode adiantar algo?
Seabass:
Estamos muito satisfeitos com “Pro Evolution Soccer 2012”, que em muitos aspectos está ligado à versão anterior. Em relação à próxima versão, eu vou fazer uma promessa aqui e agora: “Pro Evolution Soccer 2013” será muito diferente, com mais novidades.


Vou fazer uma promessa aqui e agora: “Pro Evolution Soccer 2013” será muito diferente

UOL Jogos: É certo que todo ano há uma versão nova de “FIFA” e de “Pro Evolution Soccer”. Você concorda com isso? Não acha que poderia haver ciclos maiores, talvez de dois anos?
Seabass:
Às vezes tenho esta mesma sensação de que é muita coisa, mas por outro lado em toda nova versão tentamos implementar algo novo interessante. Eu gosto deste ciclo anual de lançamento, mas também precisamos pensar na evolução do futebol real versus futebol atual, que é algo que precisamos manter em mente.

UOL Jogos: O que você gostaria de ver na próxima geração de consoles e como aproveitaria isso em “Pro Evolution Soccer”?
Seabass:
Estamos muito dependentes do joystick. Neste contexto, gostaria de ver algo que permitisse executar mais dribles e comandos com uma sensibilidade maior. De certa forma, o PS2 foi para nós um excelente console, mas o PS3 não foi tão bom assim. E não foi por culpa do videogame, mas porque no início nós não pudemos explorar logo de cara o potencial do PS3. No ano passado e agora, enfim, pudemos aproveitar o hardware de fato. Então, no próximo videogame também gostaria de usufruí-lo logo de cara.

UOL Jogos: Se você pudesse escolher um gênero de game diferente no qual trabalhar, qual seria?
Seabass:
Sou um jogador hardcore, destes aficionados mesmo. Por isso, se me dessem a oportunidade de criar algo diferente eu faria um FPS.

*O jornalista viajou a convite da Sony

Tags Pro Evolution Soccer 2012 , PS3 , PC , X360 , PSP , PS2 , Wii , DS , Esporte , Pro Evolution Soccer

  • http://jogos.uol.com.br/ultimas-noticias/2011/10/07/estamos-a-frente-de-fifa-12-diz-produtor-de-pro-evolution-soccer-2012.htm
  • Estamos à frente de "FIFA 12", diz produtor de "Pro Evolution Soccer 2012"
  • 26/11/2014
  • UOL Jogos - Not�cias
  • UOL Jogos
  • @UOLJogos #UOL
  • 1

Últimos Comentários