Naruto Shippuden: Ultimate Ninja Storm 4

Pedro Henrique Lutti Lippe

Do UOL, em São Paulo

O primeiro game de "Naruto" para PlayStation 4 e Xbox One está longe de ser impecável, mas mesmo assim é a melhor adaptação das últimas aventuras do ninja de cabelos dourados e companhia.

A incrível ação 3D criada pela produtora CyberConnect2 faz o anime do estúdio Pierrot parecer um trabalho escolar, e o roteiro resumido corta os excessos de diálogos do mangá original de Masashi Kishimoto.

A experiência gira em torno de um sistema combate que não é apenas engenhoso, mas também captura perfeitamente o estilo das lutas ninja da série. O carinho que o time de produção mostra perante o material original deixa para trás a maioria dos jogos de anime, de "Dragon Ball" a "One Piece".

Também disponível em versão para PC, "Naruto Shippuden: Ultimate Ninja Storm 4" reconta os últimos momentos da Quarta Guerra Mundial Ninja, dando prosseguimento aos eventos vistos em "Storm 3".

Jogar "Ultimate Ninja Storm 4" é um processo natural para quem já tem experiência com a série: com exceção de uma ou outra novidade, os combates em arenas 3D são os mesmos desde o PlayStation 3. A produção optou por não mexer em time que já estava vencendo.

Agora é possível mudar de personagem controlável durante a partida como em "Marvel Vs. Capcom", e um sistema de armaduras traz mais estratégia aos embates. Mas, no geral, as mudanças visam equilibrar as disputas entre as dezenas de personagens jogáveis. Alguns lutadores ainda se sobressaem, mas nenhum em um nível absurdo como o Deidara de "Storm 2".

No modo campanha, insípidas lutas contra chefes tentam dar variedade ao ritmo da ação, mas acabam entediando. Apesar de bonitos, os confronto são repetitivos e nada desafiadores, e demoram muito mais do que deveriam.

Por outro lado, quando o jogo deixa as lutas tradicionais de lado e parte para os 'quick-time events' é que a experiência fica realmente impressionante. Com um quê de "Asura's Wrath", cenas importantes como as de golpes finais ganham vida nas mãos da CyberConnect2.

Assista ao trailer de "Ultimate Ninja Storm 4"

  •  

"Storm 4" tem bastante conteúdo até mesmo para quem não tem interesse em competições online - ainda que a maior parte dos coletáveis só possam ser aproveitados na personalização de seu perfil de rede.

Um modo aventura permite que o jogador explore livremente cenários herdados de games anteriores da série, realizando 'quests' opcionais e coletando itens. A opção dá uma sobrevida ao game após o fim da campanha.

Para a felicidade dos fãs, "Storm 4" está totalmente dublado em português com as vozes originais do anime. Para quem sobreviveu a "Storm 3" e sua versão brasileira cheia de erros de português e abreviações ao estilo "você" como "vc", a diferença de tratamento é uma grande vitória.

Nota: 9 (Excelente)

UOL Cursos Online

Todos os cursos