De trollagem a preconceito: 5 vezes em que PewDiePie causou controvérsia

Reprodução
Youtuber mais popular do mundo já causou vários episódios infames Imagem: Reprodução

Victor Ferreira

Do Gamehall, em São Paulo

14/02/2017 12h51

Com mais de 53 milhões de assinantes, o sueco Felix "PewDiePie" Kjellberg é o youtuber mais popular e reconhecido do mundo.

Famoso por seu estilo de humor irreverente e apelo com vários públicos, ele é uma das figuras mais reconhecidas da internet e uma das maiores celebridades da Suécia, chegando até a participar de programas de televisão americanos e pedir para que seus fãs parem de ir até a sua casa.

Em vários momentos de sua carreira, porém, o youtuber acabou gerando controvérsia por determinados assuntos - alguns por acidente, outros de propósito -, o que já causou várias discussões entre grupos de fãs e críticos dele.

Por isso, separamos alguns momentos em que PewDiePie chamou atenção demais por algum comentário ou ação inapropriada, ou simplemente por querer trollar seu público.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Comenários sobre estupro

    Nos primeiros anos de sua carreira, PewDiePie era conhecido - e muito criticado - por fazer várias piadas e comentários relacionados a estupro em seus vídeos, principalmente ao jogar games de horror.

    Eventualmente, o youtuber reconheceu o erro, e em outubro de 2012 escreveu uma mensagem em seu Tumblr: "Só quero deixar claro que não vou mais fazer piadas sobre estupro. Como falei antes, não quero machucar ninguém e peço desculpas se o fiz."

    Desde então, PewDiePie passou a dizer que esta fase de sua carreira era "imatura" e que gostaria de mudar sua imagem neste sentido. Leia mais

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Patrocínio da Warner por opiniões positivas de jogo

    Para ser justo, este é um episódio mais complexo, e o youtuber acabou sendo culpado indevidamente por um problema maior.

    Em julho de 2016, como parte de um acordo com o órgão americano FTC (Federal Trade Comission, ou Comissão Federal de Comércio), a Warner Bros. admitiu que pagou milhares de dólares a youtubers por opiniões positivas sobre o jogo "Middle-earth: Shadow of Mordor", sem revelar adequadamente que o conteúdo era patrocinado.

    Entre os youtubers pagos pela empresa estava Felix "PewDiePie" Kjellberg. Ao contrário de muitos deles, porém, PewDiePie ao menos colocou o aviso de que estava sendo patrocinado na descrição do vídeo.

    "Primeiro, isso foi há dois anos. Segundo, a informação estava lá", disse em um vídeo. "Basicamente, o que aconteceu foi que vários youtubers foram envolvidos nesse patrocínio, mas como eu sou o maior youtuber, meu nome é o único que aparece. O que aconteceu é que nós não éramos obrigados a divulgar isso, mas eu fiz. Outros youtubers não divulgaram."

    Ainda assim, o youtuber ainda recebeu críticas por não ter deixado absolutamente claro no vídeo em si que estava recebendo patrocínio da Warner. Mais do que isso, o episódio levantou dúvidas sobre a relação entre celebridades da web e empresas de games, que em muitos casos preferem usá-los como ferramentas de marketing indevidamente graças a seu apelo com .

  • Imagem: Reprodução
    Reprodução
    Imagem: Reprodução

    Piada sobre Estado Islâmico causa suspensão no Twitter

    No final de agosto, por algum motivo, a conta de PewDiePie no Twitter deixou de ser verificada.

    Fazendo piada com o assunto, o youtuber escreveu na rede que ele e seu amigo JackSepticEye haviam perdido o símbolo nas suas páginas por terem se juntado ao Estado Islâmico

    (Jack, por sua vez, continuou a piada dizendo que eles deveriam ter se juntado aos nazistas, e não ao EI).

    Por causa disso, a conta do youtuber foi temporariamente suspensa no Twitter, o que causou controvérsia entre fãs, alguns dizendo que ele foi longe demais desta vez, enquanto outros o defenderam ao dizer que era claramente uma piada.

    É possível que PewDiePie estivesse apenas continuando uma piada da conta @SkyNiews, que havia postado que a remoção do símbolo de verificação devia-se a suspeitas da ligação entre o youtuber e a organização terrorista.

  • Imagem: Reprodução
    Reprodução
    Imagem: Reprodução

    Trollagem dos 50 milhões de assinantes

    Em dezembro, PewDiePie publicou um vídeo declarando seu descontentamento com a direção tomada pelo YouTube, e dizendo que deletaria seu canal ao chegar a 50 milhões de assinantes.

    Poucos dias depois, o youtuber alcançou a marca inédita no site, e cumpriu sua promessa... Ao deletar um de seus canais secundários.

    Alguns ficaram bravos com a trollagem, argumentando que tudo não passou de uma jogada de marketing, enquanto outros levaram na esportiva, já que PewDiePie é conhecido por fazer coisas assim.

    O YouTube, por sua vez, parabenizou o membro mais popular do seu site, chegando a enviar um trófeu especial que pode ser visto acima. Leia mais

  • Imagem: Reprodução
    Reprodução
    Imagem: Reprodução

    "Morte a Todos os Judeus"

    E finalmente chegamos ao mais novo - e possivelmente maior - episódio controverso na carreira de PewDiePie.

    Em janeiro, durante um teste com o site Fiverr, o youtuber pagou a dois indianos para que escrevessem um cartaz com os dizeres: "Death to All Jews" (ou "Morte a Todos os Judeus").

    Os homens, que depois disseram que não sabiam a gravidade da frase, cumpriram o pedido feito por PewDiePie.

    Como é possível ver na imagem acima, o youtuber percebeu imediatamente que cometeu uma grande besteira, e chegou a se desculpar e deletar o vídeo.

    Ainda assim, isso não foi o suficiente para o Maker Studios - subdivisão da Disney -, que terminou. sua parceria com PewDiePie. O YouTube, por sua vez, cancelou a segunda temporada da série "Scare PewDiePie".

    Embora é provável que sua popularidade não seja tão impactada, o episódio mostra que o youtuber deve ter cuidado no futuro para não se prejudicar com suas próprias piadas e conteúdo impróprio. Leia mais

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Jogos

Topo