Topo

6 bilionários que fizeram fortuna (ou enriqueceram ainda mais) com os games

Reprodução
Gabe Newell, um dos bilionários mais famosos dentro do mundo dos games Imagem: Reprodução

Victor Ferreira

Do UOL, em São Paulo

21/03/2017 15h57

Videogames são um negócio bem lucrativo.

Com arrecadação total na casa das dezenas de bilhões de dólares, o mercado de jogos eletrônicos é considerado maior do que o cinema e indústria musical, e já gerou várias fortunas por todo o mundo.

Por isso, o site da revista Forbes lançou um artigo com seis bilionários que, se não fizeram fortuna, expandiram suas riquezas graças ao mercado de videogames.

Curiosamente, o nome do criador de "Minecraft", Markus "Notch" Persson, não figura na lista, mesmo tendo recebido US$ 2,5 bilhões com a venda de seu estúdio, Mojang, para a Microsoft.

  • Henry Ray Abrams/AFP

    Kagemasa Kozuki - US$ 1,1 bilhão

    Kozuki é o fundador da Konami, que pode não ter começado como uma empresa de games, em 1969, mas certamente encontrou sucesso ao criar franquias icônicas como "Castlevania", "Metal Gear", "Bomberman" e "Pro Evolution Soccer".

    Hoje em dia, a empresa tem deixado seus negócios na indústria de consoles de lado, dando mais foco ao mercado mobile, cassinos e academias no Japão.

  • Reprodução

    Kim Taek-Jin - US$ 1,2 bilhão

    Kim Taek-Jin é fundador e CEO da NCSoft, maior publisher da Coreia do Sul e responsável por alguns dos maiores RPGs online do mundo, como "Guild Wars" e "Blade & Soul".

  • Reprodução

    Gabe Newell - US$ 4,6 bilhões

    CEO e cofundador da Valve Software, Newell fez sua fortuna ao revolucionar o mercado de jogos no PC com a loja digital Steam, que trouxe uma forma mais fácil e intuitiva de comprar e acessar games no computador.

  • Reprodução

    Kwon Hyuk-Bin - US$ 4,9 bilhões

    Dono de uma das maiores companhias de games da Coreia, a Smilegate, Kwon Hyuk-Bin ganhou seus bilhões graças principalmente a "CrossFire", considerado o shooter mais popular do mundo - sim, ainda mais do que "Counter-Strike"!

  • Reprodução

    William Ding - US$ 17,3 bilhões

    De uma forma ou de outra, William Ding ganhou seus bilhões com a internet por meio de sua empresa Netease, incluindo ao ser o detentor oficial das licenças de jogos como "World of Warcraft", "HearthStone" e "Minecraft" na China.

    Por isso, ele é considerado o primeiro bilionário da indústria chinesa de games.

  • Seth Wenig/ AP

    Bill Gates - US$ 86,2 bilhões

    O homem mais rico do mundo e fundador da Microsoft esteve quase sempre associado à indústria de games, graças ao sucesso de jogos de computador no Windows.

    Mais do que isso, a empresa é um dos maiores nomes da indústria de games como um todo graças à divisão Xbox, responsável por 14% da arrecadação total da Microsoft.

Mais Jogos