Jogos

De dois é bem mais legal: os melhores games pra jogar com crianças

Arte/UOL Jogos
Imagem: Arte/UOL Jogos

Théo Azevedo

Do UOL, em São Paulo

16/02/2017 13h38

Quem tem filho, sobrinho ou criança na família, sabe que é questão de tempo: pelo smartphone ou pelo videogame dos pais, uma hora os jogos eletrônicos vão chamar a atenção dos pequenos.

E como é bom quando isso acontece: jogar videogame junto com os filhos é uma ótima maneira de estreitar laços com eles e, claro, se divertir juntos. É uma forma de entretenimento que, dentro dos limites e devidamente monitorada, rende momentos inesquecíveis.

O UOL Jogos separou uma seleção de games mais do que apropriada – inclusive pelos critérios de Classificação Indicativa – para reunir adultos e crianças na sala de estar:

  • Minecraft

    PC, videogames, celular
    Classificação indicativa: Livre
    Para quem está chegando agora, "Minecraft", com seu visual fora dos padrões e mais de 100 milhões de adeptos, pode soar como um mistério difícil de desvendar. Não se engane: a ausência quase total de regras ou limites faz do jogo um imenso playground onde as crianças conseguem exercer a criatividade em sua mais genuína essência, explorando ou construindo o que vier à mente. Tudo isso em uma atmosfera amigável, longe dos trolls, mesmo quando jogando online. Leia mais

  • LEGO (série)

    PC, videogames, celular
    Classificação indicativa: Livre
    Senhor dos Anéis, Indiana Jones, Star Wars, Harry Potter, Marvel... os games da série "LEGO" são uma das melhores maneiras de apresentar às crianças franquias que têm lugar cativo em nossos corações adultos. São games excelentes para "jogar de dois", pois exigem cooperação para resolver quebra-cabeças e desafios, explorando as fraquezas e virtudes de cada personagem e reproduzindo cenas icônicas das telonas com peças de LEGO. Como quase não há penalidades caso o personagem morra, mesmo os pequeninos se divertem. Leia mais

  • Rocket League

    PC, PlayStation 4, Xbox One
    Classificação indicativa: Livre
    Uma mistura de carrinhos de controle remoto e futebol não tem como dar errado. "Rocket League" virou fenômeno graças aos carros que voam pelos ares fazendo todo tipo de acrobacia em uma arena futurista. Vale tudo para marcar gols. É o típico caso de game fácil de jogar, a ponto de agradar até quem não curte muito futebol, mas difícil de dominar. Leia mais

  • Pro Evolution Soccer/FIFA

    PC, videogames
    Classificação indicativa: Livre
    "Clássico é clássico, e vice-versa", já dizia o sábio. Desde os tempos mais primórdios os jogos de futebol animam tardes e noites de videogame. Se você vai de "PES" ou "FIFA", tanto faz; qualquer um deles diverte. Enquanto "Pro Evolution Soccer" possui a licença oficial do Campeonato Brasileiro, "FIFA" tem o FUT, fantasy game que virou mania.

  • Street Fighter V/Injustice

    PC, videogames
    Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos
    Quando se fala no público infantil, naturalmente os games de luta não são - ou não deveriam ser, ao menos - a 1ª opção. Entretanto, há alternativas para adolescentes a partir dos 13 anos, como "Street Fighter V" e "Injustice". O primeiro é a versão mais atualizada do clássico que praticamente dispensa apresentações, enquanto "Injustice" coloca super-heróis como Superman e Batman na arena. Tudo sem sangue ou os fatalities de "Mortal Kombat".

  • Peggle 2

    PlayStation 4, Xbox One, Xbox 360
    Classificação indicativa: Livre
    Pinball fez parte da sua vida? "Peggle 2" lembra um pouco a dinâmica dos fliperamas, já que o objetivo é lançar uma bola metálica que deve eliminar pinos laranjas e azuis ao colidir com eles. Parece inusitado, e é, mas acredite: o jogo é viciante. Pra completar, gráficos coloridos, itens especiais e a trilha sonora de primeira tornam a diversão ainda mais envolvente.

  • Plants vs. Zombies: Garden Warfare 2

    PC, PlayStation 4, Xbox One
    Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 10 anos
    Crianças não devem jogar "Call of Duty" ou "Battlefield", mas isso não significa que não haja alternativas do gênero ? os chamados shooters ? para os pequenos: "Garden Warfare 2", na esteira de "Plants vs. Zombies", coloca plantas e zumbis em lados opostos, num game de tiro estratégico, engraçadíssimo e muito bem produzido. Não há violência nem sangue, portanto crianças a partir de dez anos podem jogar.

  • LittleBigPlanet 3

    PlayStation 3, PlayStation 4
    Classificação indicativa: Livre
    Quem disse que games para crianças têm que ser ruins? "LittleBigPlanet 3" é uma aventura estrelada pelo boneco de pano Sackboy e que lembra o bom e velho "Super Mario Bros.". Porém, aqui os jogadores podem criar suas próprias regras, utilizando materiais encontrados pelo caminho para superar obstáculos que mexem com conceitos de Física, por exemplo. A natureza aberta do game estimula de forma intuitiva a criatividade e o trabalho em equipe.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Jogos

Topo