Topo

Jogos

PC

Via Twitch: jogador é acusado de agressão durante transmissão de "Fortnite"

Divulgação
Jovem de 26 anos estava conectado ao Twitch, onde aparecia jogando "Fortnite" Imagem: Divulgação

Da AFP, em Sydney

10/12/2018 09h41

Um jogador de videogame, que aparentemente agrediu uma mulher em imagens transmitidas ao vivo e que viralizaram a internet, foi acusado de agressão nesta segunda-feira pela polícia australiana.

O jovem de 26 anos estava conectado ao Twitch, a plataforma especializada na transmissão de partidas ao vivo, onde aparecia jogando "Fortnite".

Em imagens compartilhadas no Twitter, é possível ver o homem não identificado gritando com uma mulher que não aparece nas imagens: "Eu te disse que vou acabar logo". Depois ele se afasta do computador.

Em seguida, uma voz feminina é ouvida gritando "chega de computador, estou cansada dessas besteiras", seguido pelo som de um golpe ou um tapa e choro.

A voz feminina grita "agressor de mulheres!", e acrescenta: "você me acertou na cara, não me bata na cara. Vocês ouviram, todos vocês ouviram isso".

A briga continua, com gritos e choro enquanto o homem se afasta, retorna várias vezes ao computador e grita: "Me deixe em paz!".

Em um segundo vídeo, é possível ouvir gritos e crianças chorando.

Os dois vídeos foram compartilhados milhares de vezes no Twitter.

Um internauta que viu as imagens alertou a polícia, que deteve o jovem em sua casa em Oran Park, nos arredores de Sydney.

Ele foi libertado sob fiança e deve comparecer perante um juiz na quinta-feira.

No momento de sua prisão, havia duas meninas de três anos e 20 meses em casa.

A mulher, de 21 anos e que segundo a imprensa é sua companheira, "não se feriu gravemente", mas estava em "estado de choque", segundo a polícia.