Topo

Jogos

PC

Estúdio volta a defender decisão de excluir campanha em "CoD: Black Ops 4"

Reprodução
Call of Duty Black Ops 4 - Modo Blackout Imagem: Reprodução

Do GameHall

17/09/2018 17h57

Durante uma entrevista divulgada esta semana, a Treyarch disse que o fato de "Call of Duty: Black Ops 4" não ter uma campanha voltada para um jogador representa uma tentativa de "evolução".

"O aspecto mais importante do desenvolvimento de jogos é ser capaz de se adaptar," disse Dan Bunting, um dos chefes do estúdio, à "GameSpot". "Se você não pode olhar para algo que está fazendo e dizer, 'Isto não é bom o bastante' ou 'Não é isto que queremos' e 'Precisamos fazer uma mudança,' se você não pode fazer isso, então você não está se adaptando. Você não vai evoluir de uma forma que vai constantemente oferecer experiências emocionantes para seus fãs."

VEJA TAMBÉM

David Vonderhaar, outro dos chefes da Treyarch, reiterou que "Black Ops 4" nunca iria ter uma campanha tradicional. Bunting então explicou que o estúdio queria uma experiência social baseada em multiplayer 

"Desenvolvimento é uma jornada," disse  "Nós testamos muitas ideias diferentes e muitas coisas diferentes. O jogo que estamos fazendo evoluiu ao longo do tempo, e isso é apenas parte do desenvolvimento. Eu não lembro de um único jogo que fizemos que não tenha tido uma mudança dramática na etapa de protótipo."

Recentemente "Call of Duty: Black Ops 4" teve o beta de seu modo Blackout, voltado ao popular gênero battle royale. O lançamento do game ocorrerá no dia 12 de outubro para PC, PS4 e Xbox One.