Jogos

Fallout 4

Pedro Henrique Lutti Lippe

Do UOL, em São Paulo

17/08/2015 15h34

Depois do sucesso de "Skyrim", era inevitável: a Bethesda precisaria revisitar sua outra franquia de RPGs de mundo aberto. Pedidos feitos por fãs ao longo de anos foram atendidos, e "Fallout 4" sairá para PlayStation 4, Xbox One e PC.

200 anos após o holocausto nuclear, a civilização humana tenta reerguer-se em um mundo repleto de perigosos mutantes e ameaças ainda maiores. Nos restos da cidade de Boston, o protagonista (ou a protagonista) deverá escolher suas lealdades e sobreviver de sua própria maneira.

A promessa não é a de uma experiência inovadora, mas sim de um game maior e melhor que "Fallout 3". As bases do título de 2008 seguem intactas, com o foco da aventura dividindo-se entre o combate em tempo real e as conversas com múltiplas escolhas. As novidades são 'extras', como um sistema complexo de construção de bases e outro de 'reciclagem' que permite que jogadores reaproveitem todos os itens achados pelo mundo.

Divulgação/Bethesda Softworks
Dogmeat e outros 11 possíveis companheiros poderão ajudar o jogador em sua jornada Imagem: Divulgação/Bethesda Softworks

Nova perspectiva

Pela primeira vez na série, "Fallout 4" mostrará em primeira mão os eventos que causaram a destruição do mundo como o conhecemos.

Apesar da história ainda ser um grande mistério, sabemos que o game começa em 2077, no dia em que uma sucessão de explosões nucleares desolaram a civilização. O jogador pode optar por controlar uma mulher ou seu marido, que têm aparências personalizáveis, momentos antes deles serem obrigados a adentrar o Vault 111 para sobreviver à radiação.

Por algum motivo, o protagonista acorda 200 anos mais tarde - na mesma época em que se passam os eventos de "Fallout 3" -, e é lançado de cabeça em um mundo completamente desconhecido.

Assim como nos games anteriores da série, "Fallout 4" obrigará os fãs a interagirem com humanos (e outras criaturas) peculiares, criando laços com eles, ou então eliminando-os da existência. Todas as escolhas feitas através de palavras ou ações têm consequências e podem mudar o rumo da trama. O protagonista é um agente livre, capaz de fazer o que bem entender.

Divulgação/Bethesda Softworks
Yao Guais, Deathclaws e outros inimigos clássicos da série retornarão Imagem: Divulgação/Bethesda Softworks

Um mundo para o jogador

Se em "Fallout 3" e em "New Vegas" os fãs tinham liberdade para aproveitar um mundo pré-montado, "Fallout 4" permitirá que os mesmos deixem sua marca na wasteland. Armas, prédios e até mesmo uma enorme 'Power Armor' são completamente personalizáveis através de um sistema que permite a reciclagem de toda e qualquer tralha encontrada pelos cenários.

Com os materiais corretos, jogadores podem transformar uma mera pistola em um lançador de bombas nucleares portáteis. "Fallout 4" terá mais de 50 armas básicas e 700 modificações possíveis. Da mesma forma, a 'Power Armor' pode ser transformada em um tanque de guerra em miniatura, capaz de eliminar contingentes inteiros de inimigos.

O grande destaque dentre os novos sistemas de personalização, porém, é o de construções. Certos terrenos podem ser aproveitados pelos fãs para a construção de bases de operações, que podem ter diferentes aparências e funções. Mercadores e outros NPCs podem ocupar postos em tais bases. Cabe ao jogador cuidar da manutenção das estruturas, com linhas de energia elétrica e até mesmo plantações para o cultivo de comida orgânica para seus habitantes. Torretas e outras estruturas de defesa também devem estar em dia para que saqueadores não façam a festa.

Divulgação/Bethesda Softworks
Jogadores poderão dar sua própria cara para as armas que seu personagem usa Imagem: Divulgação/Bethesda Softworks

Maior e melhor

Segundo o diretor Todd Howard, a Bethesda aprendeu com os erros e acertos de "Fallout 3" e "Skyrim", e está aplicando todo esse conhecimento para criar "Fallout 4". O estúdio alega que o game está em desenvolvimento há pelo menos 5 anos, e nega que já se prepara para o próximo "Elder Scrolls". Pelos próximos anos, a Bethesda Softworks será "o estúdio de 'Fallout 4'".

Com legendas em português, "Fallout 4" será lançado para PlayStation 4, Xbox One e PC no próximo dia 10 de novembro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Jogos

Topo