Jogos

Sony é processada por cláusula que proíbe de acioná-la judicialmente

do Gamehall

21/12/2011 20h21

Implementada pela Sony em setembro, a nova cláusula dos termos de serviço da PlayStation Network que proíbe os jogadores de a processarem na justiça acaba de ter a primeira consequência - um ciente insatisfeito abriu um processo em novembro contra o que ele define como "prática comercial desleal" por parte da empresa.

Segundo o jogador residente na Califórnia, a Sony não o respeitou - e também todos os demais clientes que compraram um PlayStation 3 antes de setembro -, já que eles foram obrigados a desistir de seus direitos legais caso quisessem permanecer conectados na rede online do console.

Além disso, ele nota que a Sony não pode privar o acesso à PlayStation Network aos que não concordam com a nova cláusula, já que ela foi previamente anunciada pela empresa como um dos 'recursos' do console desde o seu lançamento, em 2006.

Por fim, a ação alega também que a Sony não respeitou os seus clientes ao não oferecer uma versão online do novo contrato de 21 páginas disponível apenas no console, além de afirmar que os contrários à cláusula só poderiam manifestar a sua opinião por carta escrita em até 30 dias, ou seja, não tendo sequer a opção de enviar e-mails, telefonar ou responder formulários online.

Os próximos capítulos dessa nova novela poderão aparecer ao longo de mais um longo processo envolvendo clientes insatisfeitos e a Sony, lembrando que no mês de dezembro a fabricante do PlayStation 3 foi absolvida da ação judicial por eliminar o suporte ao Linux do console.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo