Ele realizou o sonho de infância: trabalhar para a Nintendo

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Corey Bunnell é um dos únicos desenvolvedores da Nintendo nascido no Ocidente

    Corey Bunnell é um dos únicos desenvolvedores da Nintendo nascido no Ocidente

Em 2007, o americano Corey Bunnell havia acabado de se formar na escola. Enquanto pensava nas universidades para estudar, o jovem foi ao fórum do site Translatorscafe.com querendo ajuda para realizar um sonho: viver no Japão e trabalhar para a Nintendo como designer de games, algo que queria fazer desde que jogou "Mario" pela primeira vez.

Corey já tinha experiência com a língua japonesa, e havia vivido lá por quase seis meses graças a dois intercâmbios diferentes. Ainda assim, ele sabia que o caminho seria difícil, já que não havia qualquer tipo de bolsa para ajudá-lo a ir para uma escola de proficiência para a linguagem, o que poderia levá-lo ao Japão.

Dez anos depois, Corey realizou seu sonho, e seu nome aparece orgulhosamente entre os desenvolvedores de "The Legend of Zelda: Breath of the Wild", como programador da vida selvagem do jogo.

O nome ocidental, tão diferente da equipe composta quase totalmente por japoneses, chamou a atenção de algumas pessoas, até que o usuário Tizzlefix da rede social reddit desenterrou o post de Corey no fórum.

Tom Phillips, do site Eurogamer, perguntou a outro desenvolvedor estrangeiro da Nintendo, Jordan Amaro, se aquele era de fato o mesmo Corey Bunnell, e ele confirmou.

"Acho que Corey e eu somos os únicos desenvolvedores ocidentais (entenda-se por staff do jogo) no prédio", escreveu.

Agora é saber se Corey fará o ciclo completo do seu sonho e venha a trabalhar em um jogo de "Mario".

LEIA MAIS

UOL Cursos Online

Todos os cursos