Topo

Jogos

Mobile

Plague Inc.: sucesso no iPhone, simulador de epidemia mostra riscos reais

Divulgação/Plague Inc
Imagem: Divulgação/Plague Inc

Do UOL, em São Paulo

06/02/2018 04h00

"Plague Inc." é um simulador de epidemias. Nele, o jogador deve contaminar o mundo e, por consequência, erradicar a raça humana. Lançado em 2012 para PC e celulares, é um sucesso no iPhone até hoje: em janeiro de 2018, o game está entre no top 5 da App Store.

O jogo de estratégia, que custa R$ 1,90, oferece mais de 50 países para contaminar, com milhares de eventos, que dão variedade para cada partida.

Os papéis são invertidos: você não deve salvar a humanidade, mas acabar com ela, controlando a expansão de 12 doenças diferentes, desde perigos reais, como o ebola, ou fictícios, como a gripe símia (de "O Planeta dos Macacos").

Enquanto você vai do paciente zero da sua epidemia até a extinção da raça humana, "Plague Inc." vai apresentando conceitos sérios de saúde pública, vacinação e prevenção.

O game recebe novas doenças com frequência, além de "mutações" nos vírus já conhecidos pelos jogadores.

Cenários bem desafiadores incluem a propagação de epidemias em aeroportos e uma Terra quase sem humanos. Como a sua doença vai se propagar com as pessoas longe umas das outras? Essas novidades são vendidas como expansões dentro do app e custam R$ 6,90 cada.

Divulgação/iTunes
"Plague Inc." traz doze tipos diferentes de pragas para você infectar e destruir a raça humana Imagem: Divulgação/iTunes

Luta contra o ebola

"Plague Inc." já foi usado para ajudar na luta contra epidemias no mundo real. Em 2015, a produtora do game arrecadou cerca de US$ 76 mil em doações para instituições como a Cruz Vermelha e Médicos Sem Fronteiras, para combater a propagação do ebola.

Na ocasião, mais de 800 mil jogadores acessaram a página do game para angariar fundos para 15 instituições que combatem o ebola no oeste da Africa. 

Pela natureza do jogo, 'Plague Inc.' dá ênfase nos riscos de doenças contagiosas e ajuda os jogadores a entenderem a importância de tomar precauções

James Vaughan, criador o game, sobre a mensagem por trás do simulador de doenças que tanto sucesso faz no iPhone e no iPad.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor