Topo

Jogos

Análises

"Monster Hunter: World" é diversão garantida (mas só se você se dedicar)

Divulgação
Imagem: Divulgação

Pablo Raphael

Do UOL, em São Paulo

01/02/2018 04h00

"Monster Hunter" é um sucesso indiscutível no Japão, onde a franquia reina nos videogames portáteis desde os tempos do PSP. Deste lado do mundo, porém, a série sempre foi vista como "complicada" e apenas os mais dedicados jogadores se embrenhavam em suas selvas cheias de criaturas enormes e sistemas complexos e obscuros. Com "World", a Capcom decidiu simplificar e modernizar o jogo para atrair uma audiência maior.

Uma decisão arriscada, pois poderia alienar os fãs das antigas. Mas a verdade é que a produtora nipônica conseguiu realizar um feito e tanto, capturando a essência do que torna "Monster Hunter" tão viciante e divertido, sem deixar de fora os mistérios que apenas os verdadeiros fãs vão conseguir entender e dedicar centenas de horas em caçadas ao lado dos amigos.

VEJA TAMBÉM:

O resultado se vê nos números: "World" vendeu 5 milhões de cópias, entre as versões PlayStation 4 e Xbox One, nos primeiros 3 dias. É o melhor resultado individual em uma franquia que já acumula 45 milhões de unidades vendidas.

Do que se trata?

"Monster Hunter: World" coloca você no papel de um caçador de monstros em um mundo fantástico. Nessa aventura, o grupo de caçadores do qual você faz parte é enviado para o Novo Mundo, uma terra distante e ainda inexplorada, para caçar e pesquisar mais sobre a vida selvagem local e, com sorte, eliminar um temível dragão ancião. Para isso, você conta com a ajuda de um companheiro felino, o Amigato, de outros jogadores, um arsenal de armas bem diversificado e, bem, as suas habilidades como jogador, que são aprimoradas a cada combate e fera abatida ou capturada.

Montagem/UOL
"Monster Hunter: World" tem legendas e menus em português Imagem: Montagem/UOL
Esse é um grande diferencial entre "Monster Hunter" e outros RPGs: não há níveis ou atributos que melhoram conforme você progride no jogo. Você pode equipar qualquer arma do arsenal ou fabricar novas com os recursos coletados em suas caçadas. O progresso é medido pela experiência que você, jogador, adquire e o conhecimento sobre as presas e território que explora.

Ao avistar um caçador com uma armadura exótica elaborada ou uma arma muito melhor do que a sua, é fácil perceber que ele dedicou mais tempo e atenção às caçadas e que deve ser um veterano experiente e não, simplesmente, alguém que está "num nível mais alto". "Monster Hunter" premia o jogador pela dedicação de uma forma bastante natural.

Jogue muito, domine as mecânicas das caçadas e você vai se tornar um jogador melhor.

Novo Mundo

O game tem uma narrativa simples, que leva você por todas as regiões do Novo Mundo e sempre em busca da próxima criatura para abater ou capturar. Essa campanha dura entre 40 e 50 horas de jogo e serve, na prática, como um fio condutor para as suas caçadas e, durante boa parte do tempo, como um grande tutorial, ao longo do qual você ganha confiança nas suas habilidades e entende o que precisa para alcançar seus próprios objetivos - como, por exemplo, obter todos os ingredientes para forjar o conjunto de armadura dos seus sonhos.

Divulgação
Antes de sair para caçar, passe na cantina para "fazer um lanchinho" e ganhar alguns bônus para encarar a batalha que virá pela frente. Imagem: Divulgação

Se você não se importa tanto com a história, "Monster Hunter World" pode ser bem divertido, especialmente ao lado de outros jogadores. Há vários pontos do game onde é possível se juntar a um grupo de caçadores ou chamar amigos, desde um lobby online até os painéis com as missões. Em última instância, se precisar de ajuda no meio de uma caçada mais violenta, é possível disparar um pedido de "SOS" e recrutar voluntários de última hora.

Em todo caso, "Monster Hunter World" é um jogo mais divertido para curtir ao lado de amigos em partidas cooperativas. Ainda assim, se você quer se tornar um caçador melhor, seja afiando suas habilidades ou preparando equipamentos superiores, é bom dedicar algumas horas para explorar sozinho as selvas, pântanos e desertos do Novo Mundo.

Mais acessível

Primeiro "Monster  Hunter" para PS4 e Xbox One (o jogo ganhará uma versão para PC nos próximos meses), "World" deixa para trás as limitações dos portáteis PSP e 3DS para oferecer um mundo aberto que, mesmo dividido em áreas, quase não usa telas de carregamento. Tanto você quanto os monstros se move livremente pelas áreas de cada região explorada.

Com isso, mecânicas clássicas como obrigar o jogador a ficar parado para disparar um fuzilarco, ficaram obsoletas e foram descartadas. A movimentação é mais fluída e há uma sensação de estar em um jogo de ação atual e não num RPG japonês para portáteis.

Divulgação
Cada tipo de arma possui golpes e movimentos distintos: experimente todas até encontrar as que se adequam mais ao seu estilo de jogo. Imagem: Divulgação

Outra mudança é a forma como as pistas deixadas pelos monstros são registradas: cada pegada, muco ou arranhão deixado no cenário enche uma barra de conhecimento sobre aquela criatura. Quanto mais você segue o rastro do monstro, maior o entendimento que os caçadores ganham e você pode verificar informações como hábitos, poderes e pontos fracos antes de tentar encarara a presa de frente.

O cenário é cheio de recursos que devem ser coletados para a produção de itens, munição, poções e para a melhoria de armas e armaduras e uma trilha de vagalumes indica ao jogador a localização desses recursos. Dá para automatizar a produção de alguns itens conforme a posse dos recursos: junte ervas o bastante e elas são convertidas em poções de cura. Certas sementes viram tipos especiais de munição e assim por diante.

Divulgação
Mais do que só bater e atirar: caçar monstros envolve seguir rastros, equipar armaduras apropriadas e entender os padrões de movimento e ataque das criaturas. Imagem: Divulgação

São pequenos ajustes que tornam mais fácil e acessível entrar no mundo de "Monster Hunter", mas que não tiram a mágica das caçadas contra as grandes criaturas do game. E, de vez em quando, você vai ver duas delas lutando uma com a outra, porque sua caçada levou o monstro a entrar no território de outro. Ou vai se deparar com grupos de pequenos predadores atacando um monstro ferido pelos seus ataques. Ou ser surpreendido quando a criatura derrubar as paredes da caverna para escapar.

É nessas horas que "Monster Hunter" conquista o jogador: quando você percebe que mais do que seguir o rastro de um monstro, lutar com ele e abate-lo, você está explorando um mundo vivo, com criaturas que existem dentro de um ecossistema fantástico mas, a sua maneira, realista. Entender como esse mundo funciona e se tornar parte dele é o que faz o jogo tão envolvente para os fãs.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor