Topo

"Sekiro" sem multiplayer online permitiu maior criatividade, diz produtora

Divulgação
Sekiro: Shadows Die Twice Imagem: Divulgação

Do GameHall

08/01/2019 17h41

A produtora From Software deu maiores detalhes a respeito das razões que levaram-na a optar por não implementar multiplayer online em seu novo game, "Sekiro: Shadows Die Twice".

Em jogos anteriores do estúdio, como "Dark Souls", jogadores podiam deixar mensagens para outros usuários, que serviam para avisar a respeito de algum perigo ou ludibriar para que caíssem em alguma armadilha. O jogador também conseguia chamar outra pessoa para ajudá-lo em um lugar no qual estava tendo dificuldade ou então invadir o game de um usuário para atacá-lo. Tudo isso foi deixado de lado em "Sekiro", conforme explicado pela produtora.

Não ter online permitirá aos jogadores pausarem o game quando bem quiserem e também significa que eles não precisarão se preocupar em serem invadidos durante os momentos mais difíceis de uma determinada área. Além disso, sem a presença do multiplayer cooperativo os chefes podem ser feitos pensando-se apenas na jogabilidade para um jogador. A criatividade na elaboração do mapa do game também aumentou sem o online.

"Ao criar estes espaços de jogo, não temos de levar em consideração como os jogadores irão operar uns com os outros nestes mapas, ou como eles podem tirar vantagem destes espaços cooperando ou algo assim," disse o gerente de marketing, Yasuhiro Kitao, à revista "Game Informer"."Então isso nos permite aprimorar a experiência no jogador e realmente capitalizar essa falta de restrição que vem com a criação de um jogo multiplayer, e deixar nossa imaginação correr solta nestes lugares."

"Sekiro: Shadows Die Twice" chega no dia 22 de março para PC, PS4 e Xbox One.

Siga o UOL Jogos no

Mais Jogos